BRP conquista certificação ISO 9001 para o Centro de Distribuição em SC

Grupo canadense mostra excelência na padronização do sistema operacional no Brasil com o selo auditado pelo Bureau Veritas Certificaton
Fonte: Mundo Press

Centro de Distribuição da BRP em Joinville (SC) conta com certificação ISO 9001 Crédito: Divulgação/BRP

Centro de Distribuição da BRP em Joinville (SC) conta com certificação ISO 9001 Crédito: Divulgação/BRP

A busca pela qualidade é contínua na BRP. O grupo canadense foi certificado pelas normas ISO 9001 em 2014, quando as operações no Brasil conquistaram o aval dos auditores do Bureau Veritas Certification. Com a mudança do Centro de Distribuição de produtos de Manaus (AM) para Joinville (SC), há um ano, a BRP passou por novo processo de certificação. Mais uma vez, mostrou excelência nos procedimentos de importação e logística e conquistou o cobiçado selo.

A importação via Porto Itapoá reduziu a poucos dias o processo de distribuição das motos aquáticas Sea-Doo, dos veículos off-roadroadsters da Can-Am e dos motores de popa Evinrude – marcas assinadas pelo grupo canadense. “Conquistamos o objetivo de otimizar a logística com a mudança do Centro de Distribuição e o passo seguinte foi a implementação da ISO 9001 em Joinville”, comentou Alexandre Gregório de Moraes, coordenador de Negócios em Sistemas de Propulsão Marinhos e Planejamento Estratégico do Pós-Vendas da BRP Brasil.

“Uma ação como esta, principalmente em um momento econômico delicado do país, traz resposta positiva da BRP sobre a intenção de expansão e de crença no mercado brasileiro”, continuou. “O grupo reforça o conceito da busca pela melhoria contínua, partindo do preceito de que é fundamental padronizar processos para que sejam medidos e constantemente aprimorados. A certificação ISO 9001 nos obriga a revisitar conceitos e fortalecer valores na busca de soluções que direcionem o nosso negócio a entregar produtos com perfeição, a um preço justo aos consumidores finais”, concluiu Gregório.

Publicado em CAN-AM Com a tag , , , , , |

Can-Am Maverick X3 liberta a fera off-road que existe em nós

O Can-Am Maverick X3 chegou para libertar a fera off-road que existe em cada um de nós.
Fonte: Mundo Press

Can-Am Maverick X3 X DS em ação na trilha.

O lançamento da marca assinada pela BRP eleva a outro nível a capacidade de um UTV esportivo de alto rendimento, pronto para enfrentar qualquer tipo de terreno sem perder o conforto e o pleno controle da máquina.

O DNA de competição já vem de fábrica e é referência na família de veículos Can-Am Maverick, atual tetracampeã da categoria para UTVs no Rally dos Sertões. De cara, o X3 traz visual agressivo e inconfundível, o qual molda a cabine Ergo-Lok, responsável por colocar o piloto em contato direto com o “coração” do UTV. Construída ao redor dos ocupantes, a nova cabine traz assentos baixos, para aumentar a confiança e diminuir o centro de gravidade.

Ao iniciar o projeto pela melhor posição de pilotagem, a equipe de desenvolvimento Can-Am construiu o X3 ao redor de sua cabine inovadora. Foi necessário revolucionar em todos os itens para garantir tamanha potência: pilotagem, reações da suspensão e até a instalação de um grande espelho retrovisor, para acompanhar tudo que ficou para trás.

Com os recursos, o piloto tem a possibilidade de praticamente decolar em terra firme, enquanto o novo sistema de suspensão e os amortecedores Fox Podium eliminam os obstáculos e os concorrentes. O X3 oferece experiências ainda mais desafiadoras com extrema segurança e estabilidade, e o domínio fica completo com uma suspensão capaz de enfrentar todos os desafios do ambiente off-road.

Maverick X3 X DS Turbo em ação no deserto

Grande destaque, a nova suspensão traseira de quatro links TTX dispõe de curso de 20 a 24 polegadas nos modelos X3 – simplesmente as maiores medidas do mercado. O sistema apresenta braço oscilante de três pontos de conexão, dedicados a controlar a inclinação, o que permite geometria perfeita e ininterrupta mesmo em final de curso. Os resultados são a incomparável transferência de potência às rodas, sem solavancos, a resposta precisa da direção e a maior confiança em altas velocidades.

De acordo com rigorosos testes internos, a máquina de 154 HP chega de zero a 85km/h em apenas 4.9 segundos, impulsionada pelo motor de Eficiência Avançada de Combustão (ACE) Rotax com turbo e intercooler. O lançamento da Can-Am está disponível em três versões: Maverick X3 Turbo R (Preço sugerido: R$ 99.990,00; Acesse as especificações), Maverick X3 X DS (Preço sugerido: R$ 109.990,00; Acesse as especificações) e Maverick X3 X RS (Preço sugerido: R$ 119.990,00; Acesse as especificações).

O Can-Am Maverick X3 X RS, versão topo de linha, é o primeiro UTV de fábrica com 182,9 cm de largura, perfeito para andar nas dunas e desertos. Tudo porque a busca constante por velocidade e precisão não parou até que os engenheiros da Can-Am aumentassem um pouco mais a bitola, e o resultado foi um ganho no desempenho impressionante.

O modelo traz amortecedores dianteiros FOX Podium RC2 2.5 HPG Piggyback com bypass e compressão de dupla velocidade. Na parte de trás, possui amortecedores FOX Podium 3.0 RC2 HPG com bypass, reservatório remoto e ajustes de retorno e compressão. A suspensão traseira com braços oscilantes (TTX), perfeita para os saltos que vierem no caminho, completa o rendimento preciso e inigualável do Can-Am Maverick X3 X RS.

Publicado em CAN-AM, Can-Am Maverick Com a tag , , , , , , , , , , , , , |

Gabriel Varela comemora mais um título com o Can-Am Maverick Xds Turbo

Campeão da categoria UTV Turbo, piloto garante vitória na classificação geral dos UTVs com o Can-Am Maverick Xds Turbo.
Fonte: Mundo Press

Gabriel Varela a bordo do UTV Can-Am Maverick Xds Turbo no Brasileiro de Rally Baja. Crédito: Doni Castilho/DFotos

Gabriel Varela comemorou mais um título no Campeonato Brasileiro de Rally Baja a bordo do Can-Am Maverick Xds Turbo. O piloto garantiu a vitória na classificação geral dos UTVs, após conquistar de forma antecipada a taça da categoria UTV Turbo. A Can-Am foi soberana na temporada 2016, já que Deninho Casarini, campeão da UTV Pró, alcançou o vice na geral e completou dobradinha para a marca canadense.

A confirmação dos resultados veio neste sábado (10) na etapa final do campeonato, a 13ª do calendário, a qual teve como palco o Rally dos Amigos, em Botucatu (SP). Com o patrocínio da Can-Am, o evento realizou a sua 19ª edição e teve percurso inédito. Foram dois quilômetros de deslocamento inicial, 126 km de trechos cronometrados (especiais) e mais 16 km de deslocamento final. Além dos UTVs, houve disputas entre quadriciclos, motos, carros e caminhões.

“A temporada foi incrível. Estou muito satisfeito com os resultados e o desempenho do Can-Am Maverick Xds Turbo”, contou Varela. “Fechar o Brasileiro de Rally Baja com dois títulos foi consequência de trabalho duro da equipe durante todo o ano, todos estão de parabéns”, continuou.

No Rally dos Amigos, o piloto viveu uma situação inédita em 2016: teve problemas e não conseguiu completar. “Foi uma pena, porque eu vinha muito bem até o km 85 da especial. De qualquer forma, o mais importante foi garantir os dois títulos e estou muito feliz.” Deninho Casarini, que estava confirmado no grid da prova, passou mal e não pôde competir.

Publicado em Campeonato Brasileiro de Rally Baja, Can-Am Maverick, Rally Cross Country Com a tag , , , , , , , |

Pilotos Can-Am confirmam três títulos no Brasileiro de Rally Baja

A temporada do Campeonato Brasileiro de Rally Baja não acabou, mas a Can-Am já garantiu domínio entre os UTVs.
Fonte: Mundo Press

Deninho Casarini (à esq.) e Gabriel Varela comemoram títulos com o UTV Can-Am Maverick Xds Turbo no Brasileiro de Rally Baja Crédito: Divulgação

O Rally Rota Sudeste, válido como 11ª e 12ª etapas da competição, teve fim neste domingo (6) em São Manuel-SP e consagrou os pilotos da marca canadense como os grandes campeões. A bordo do Can-Am Maverick Xds Turbo, Gabriel Varela e Deninho Casarini confirmaram os títulos das classes UTV Turbo e UTV Pró, respectivamente. A dupla ainda ficou isolada na ponta da classificação geral dos UTVs e irá decidir a taça na final, dia 10 de dezembro, no Rally dos Amigos.
“Estou muito feliz”, disse Varela, que possui dois títulos nacionais de Rally Baja entre os quadriciclos. “O ano passado foi de muito aprendizado, já que fiz a minha estreia na categoria, e agora conseguimos realizar um trabalho perfeito. Deu para ver que ‘peguei a mão’ dos UTVs”, brincou o piloto. Ele ainda venceu o Rally Rota Sudeste. “Foi a oitava vitória seguida no Brasileiro de Rally Baja. Os resultados mostram que o Can-Am Maverick Xds Turbo encara qualquer tipo de terreno e traz todos os componentes de um off-road de verdade.”

Deninho Casarini a bordo do UTV Can-Am Maverick Xds Turbo no Rally Rota Sudeste 2016 Crédito: Luciano Santos/DFotos

O título da UTV Pró representa a primeira conquista de Casarini no Brasileiro de Rally Baja. Há quatro anos, o piloto tricampeão mundial de motos aquáticas assumiu novo desafio no esporte. “Fui vice-campeão brasileiro em 2013 e, desde então, venho aprendendo e batalhando para conquistar esse título. O rally foi um desafio totalmente novo, a felicidade é grande pela conquista. Para completar, o Can-Am Maverick Xds Turbo foi perfeito e extremamente consistente”, concluiu.

A 10ª edição do Rally Rota Sudeste contou com o patrocínio da Can-Am e ainda envolveu categorias para quadriciclos, motos, carros e caminhões. Foram percorridos 250 quilômetros de trechos cronometrados, além de 82 km de deslocamentos, em dois dias de prova.

Resultados extra-oficiais – Rally Rota Sudeste
1º – Gabriel Varela – 3:29:38 – Can-Am Maverick Xds Turbo

2º – Maurício Neves – 3:30:29
3º – Daniel Costa – 3:30:42
4º – Bruno Varela – 3:31:53
5º – Wilker Campos – 3:40:55 – Can-Am Maverick Turbo
6º – Deninho Casarini – 3:41:29 – Can-Am Maverick Xds Turbo
7º – Valdir Aparecido do Amaral – 3:41:29 – Can-Am Maverick Turbo

Publicado em CAN-AM, Campeonato Brasileiro de Rally Baja, Can-Am Maverick Com a tag , , , , , , , , , , , , , |

UTVs aceleram em etapas decisivas do Brasileiro de Rally Baja

O Rally Rota Sudeste, válido como 11ª e 12ª etapas da competição, será realizado neste fim de semana (5 e 6) em São Manuel, interior paulista.
Fonte: Mundo Press

Gabriel Varela a bordo do UTV Can-Am Maverick Xds Turbo Crédito: Doni Castilho/DFotos

A bordo dos veículos Can-Am Maverick Xds Turbo, os destaques dos UTVs são os pilotos Gabriel Varela (líder da UTV Turbo e da classificação geral) e Deninho Casarini (ponteiro da UTV Pró e vice da geral).

A 10ª edição do Rally Rota Sudeste conta com o patrocínio da Can-Am e ainda envolve categorias para quadriciclos, motos, carros e caminhões. A organização aguarda cerca de 80 veículos para o percurso de 125 quilômetros de trechos cronometrados por dia, além de 41 km de deslocamentos.

“A prova será próxima às margens do Rio Tietê, com solo arenoso, eucaliptos e plantações de cana de açúcar. Tenho boa vantagem na classe UTV Turbo e posso ser campeão por antecipação. Pretendo ser rápido e cauteloso, já que ainda busco o título da geral”, lembrou Gabriel Varela. O irmão dele, Rodrigo Varela, também está confirmado na prova, pela classe UTV Pró.

Deninho Casarini a bordo do UTV Can-Am Maverick Xds Turbo Crédito: Doni Castilho/DFotos

A briga pelo título da classificação geral está acirrada. Gabriel está na ponta e soma 147 pontos, um a mais que Deninho Casarini. “O campeonato está bem disputado, tanto na classificação geral quanto na minha classe, a UTV Pró”, comentou Casarini. “Vou andar o mais rápido possível, mas sempre com segurança. O Can-Am Maverick Xds Turbo é bastante confiável e estamos na reta final do Brasileiro. O objetivo maior é ser campeão”, acrescentou o piloto. A decisão do campeonato será no dia 10 de dezembro no Rally dos Amigos, no interior paulista.

Programação* – Rally Rota Sudeste 2016
Local: Recinto Mário Covas (R. Plínio Aristides Targa, 419, São Manuel-SP)

Sexta feira (4/11)
Das 13h30 às 19h – Funcionamento da secretaria de prova
Das 13h30 às 18h – Vistorias técnicas
19h30 – Briefing para motos, quadris e UTVs
20h – Briefing para carros e caminhões

Sábado (5/11)
Das 7h às 7h30 – Funcionamento da secretaria de prova
Das 7h às 7h30 – Vistorias técnicas
8h – Largada da primeira moto
19h30 – Briefing para motos, quadris e UTVs
20h – Briefing para carros e caminhões

Domingo (6/11)

7h – Largada da primeira moto
16h – Premiação.

Publicado em CAN-AM, Campeonato Brasileiro de Rally Baja, Can-Am Maverick, Rally Cross Country Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , |

Rally Rota Sudeste atrai competidores de todo o país

O Rally Rota Sudeste marca a penúltima etapa da temporada para carros, caminhões, motos, quadris e UTV’s, inscritos pelo Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country e Baja.
Fonte: Sig Comunicação

Can-Am Maverick no Rally Rota Sudeste / Crédito: Luciano Santos Sig comunicação

O evento está marcado para os dias 04, 05 e 06 de novembro na cidade de São Manuel, interior paulista. Em todas estas categorias, a situação deve ser bem acirrada e interessante, em trechos mistos de cascalho e areia, entre plantações de cana e eucalipto.

A edição será muito segura, técnica e proporcionará boas disputas. “As características são de piso arenoso em quase todo o trajeto, a cana está baixa e a visão do terreno é boa, beneficiará a todas as categorias. O trecho de especial seguirá próxima às margens do rio Tietê com paisagem deslumbrante”, declara Henrique Arena, organizador e diretor do Rally Rota Sudeste.

Já confirmaram presença competidores de diversas cidades e estados brasileiros como: Mogi das Cruzes, Barueri, Piracaia, Campinas, Itu, Botucatu, Osasco, Taubaté, Sorocaba, Suzano, Santo André, Mirandópolis, São José dos Campos, Atibaia, Ribeirão Preto, Avaré, Valinhos, Luziânia, Santana da Parnaíba, Mogi Guaçu, Monte Alto, São Paulo, no Estado de São Paulo; Maricá, Rio de Janeiro, Petrópolis, no Rio de Janeiro; Brusque, em Santa Catarina; Patos de Minas, Nova Lima, Conceição do Mato Dentro, em Minas Gerais; Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul e Brasília, no Distrito Federal.

São Manuel recebe pela quarta vez o Rally Rota Sudeste, que marca sua décima edição. “Esta edição será a segunda consecutiva que realizamos na cidade e foi onde começamos o Rally Rota Sudeste, abrigou a segunda, terceira e quarta edições. Estamos realizando a conferência do roteiro e teremos mais uma grande prova”, menciona Arena.

Estão programados dois dias de disputas, para cada etapa serão 125 quilômetros em trecho cronometrado, sendo 41 quilômetros entre deslocamentos. As atividades estarão concentradas no Recinto Mário Covas, localizado na Rua Plínio Aristides Targa, 419, em São Manuel/SP. As inscrições permanecem abertas e podem ser realizadas site oficial www.rallyrotasudeste.com.br.

A 10ª edição do Rally Rota Sudeste é uma realização da Arena Promoções e Eventos e têm a supervisão CBA – Confederação Brasileira de Automobilismo, da CBM – Confederação Brasileira de Motociclismo e da FASP – Federação Paulista de Automobilismo. A prova conta com o patrocínio da Can-Am e, apoio da Bike Box, Penna Off-road e da Prefeitura Municipal de São Manuel/SP.

Programação

04/11 – Sexta feira
13h30 às 19h00 – Secretaria de Prova
Recinto Mário Covas, localizado na Rua Plínio Aristides Targa, 419.
São Manuel/SP.
13h30 às 18h00 – Recinto Mário Covas
Vistoria Motos , Quadris e UTV
Vistoria CBA: Carros e Caminhões
Local: Recinto Mário Covas
14h00 às 15h30 – Apresentação Protótipo-T1
- Apresentação Production-T2
- Apresentação Super Production e Pró Brasil
- Apresentação Caminhões
17h00 – Apresentação 2ª vistoria (com multa – 1 UP)
19h30 – Briefing e lançamento do Evento (Moto, Quadri e UTV) – Recinto Mário Covas
20h00 – Briefing e lançamento do Evento (Carros e Caminhões) – Recinto Mário Covas

05/11 – Sábado – 1ª Prova
07h00 às 7h30 – Secretaria de Prova Recinto Mário Covas
07h00 às 7h30 – vistoria motos , quadris, utv Recinto Mário Covas
08h00 – Largada 1ª Moto no parque de apoio Recinto Mário Covas
08h30 – Largada 1ª Moto na especial.
10h00 – Largada 1º Carro no parque de apoio Recinto Mário Covas
10h30 – Largada 1º Carro na especial.
19h30 – Briefing motos e quadris.
20h00 – Briefing – carros e caminhões

06/11 – Domingo – 2ª Prova
07h00 – Largada 1ª Moto no parque de apoio Recinto Mário Covas
07h30 – Largada 1ª Moto na especial.
09h30 – Largada 1º Carro no parque de apoio Recinto Mário Covas
10h00 – Largada 1º Carro na especial.
16h00 – Premiação Recinto Mário Covas

Publicado em CAN-AM, Campeonato Brasileiro de Rally Baja, Can-Am Maverick Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , |

Reinaldo Varela e Gabriel Varela são campeões da 1ª Copa UTV Dopamina

Reinaldo Varela e Gabriel Varela foram os grandes campeões da 1ª Copa UTV Dopamina a bordo do Can-Am Maverick Xds Turbo.
Fonte: Mundo Press

Gabriel Varela Campeão da 1ª Copa UTV Dopamina Endurance com o Can-Am Maverick Xds Turbo / Crédito: Doni Castilho

Além do troféu “Fita Azul”, para o veículo mais rápido da prova, eles conquistaram o título da categoria UTV Turbo. O evento teve como palco a pista 100% off-road do autódromo Valdemar Fragnani, em Cordeirópolis, interior paulista, com o apoio da concessionária Casarini/BRP. Em duplas ou trios, os competidores se revezaram após seis horas ininterruptas de disputas.

Esta foi a primeira vez que Reinaldo Varela, bicampeão mundial de rally cross country entre os carros da classe T2, dividiu a pilotagem de um veículo com seu filho Gabriel. “A gente se dá muito bem, a nossa interação é muito bacana. O evento foi um sucesso ainda maior do que poderíamos imaginar”, comentou o veterano, que idealizou a prova inédita no Brasil ao lado do piloto Deninho Casarini.

Gabriel e Reinaldo Varela no pódio da Copa UTV Dopamina Crédito: SKJ Photos / Sérgio Giglio

Gabriel Varela acrescentou. “Foi uma corrida desafiadora, com muitas ultrapassagens. Largamos na última posição e o meu pai me entregou o UTV na terceira colocação, com uma hora de prova. Nós não deixamos o ritmo cair e conseguimos o título.” Outro fator determinante para a vitória foi o desempenho do Can-Am Maverick Xds Turbo, o mesmo veículo com o qual o piloto foi campeão da classe UTV Pro no Rally dos Sertões 2016. “O UTV já mostrou que é muito valente. A gente não teve nenhum problema durante as seis horas de prova, sempre acelerando forte”, concluiu Gabriel.

Resultados – 1ª Copa UTV Dopamina
Troféu “Fita Azul” (mais rápido da prova)
1 – Gabriel Varela / Reinaldo Varela (Can-Am Maverick Xds Turbo)

Categoria UTV Turbo
1 – Gabriel Varela / Reinaldo Varela (Can-Am Maverick Xds Turbo)

2 – Nuno Fojo / Rodrigo Cordaro / Renato Meimberg
3 – Daniel Piccolomini/ Ingrem Polycarpo (Can-Am Maverick Turbo)
4 – Deninho Casarini/Felipe Tejada Casarini/Pedro Queirolo (Can-Am Maverick Turbo)

5 – Cristiano Batista / Otávio Souza

Categoria UTV Aspirado
1 – André Hort / Otávio Hort Filho
2 – Glberto Mayorga / Ricardo Mayorga (Can-Am Maverick Xds)
3 – Marcelo Mistrorigo / Marcel
o Rigoni (Can-Am Maverick Xrs)
4 – Edson Nole / Erick Donatto
5 – Nelson Morata / Frederico Macedo (Can-Am Maverick)

Categoria Over 50
1 – Denisio Casarini / Paulo Figueiredo
2 – Reinaldo Cangueiro / José Luiz Camata (Can-Am Maverick)
3 – Wilson Machado/Celso Machado (Can-Am Maverick Turbo)

Publicado em CAN-AM, Can-Am Maverick, Rally Endurance Com a tag , , , , , , , , , , , , |

Pilotos Can-Am encaram 1ª Copa UTV Dopamina de seis horas

A comunidade dos UTVs está em contagem regressiva para um desafio de seis horas ininterruptas neste domingo (23).
Fonte: Mundo Press

Pilotos aceleram os UTVs Can-Am Maverick em desafio off-road de seis horas neste domingo (23) Crédito: Doni Castilho/DFotos

A 1ª Copa UTV Dopamina será um grande teste de resistência, e os pilotos Can-Am estão prontos para a largada a bordo dos veículos da família Maverick. O evento terá como palco a pista 100% off-road do autódromo Valdemar Fragnani, em Cordeirópolis, interior paulista, a qual possui 2100 metros de extensão.

Sucesso no exterior, a prova no formato endurance é inédita no país e tem o apoio da concessionária Casarini BRP. A disputa envolve estratégia no abastecimento e no revezamento dos pilotos, que podem competir em duplas ou trios. Estarão em jogo os títulos de três categorias, UTV Aspirado, UTV Turbo e UTV Over 50, além do troféu “Fita Azul” para o veículo mais rápido da prova.

“O evento mobilizou muitos pilotos de UTV e de outras categorias. O objetivo é fomentar os UTVs, que representam a classe que mais cresce nas competições off-road, e ter muita diversão na pista”, disse Deninho Casarini, idealizador do torneio ao lado de Reinaldo Varela, bicampeão mundial de rally cross country entre os carros da classe T2.

Pilotos aceleram os UTVs Can-Am Maverick em desafio off-road de seis horas neste domingo (23) Crédito: Doni Castilho/DFotos

Casarini terá Pedro Queirolo como parceiro com o Can-Am Maverick Turbo. Já o experiente Varela, que competiu o Rally Dakar 2012 com o UTV Can-Am Commander, irá acelerar pela primeira vez em parceria com o filho Gabriel, atual campeão da classe UTV Pro no Rally dos Sertões. Eles vão competir com o Can-Am Maverick Xds Turbo e estão bastante animados, como mostra Gabriel.

“A prova não vale pelo Campeonato Brasileiro, mas todo mundo quer levar o título para casa. A emoção vai ser maior em acelerar ao lado do meu pai e sabemos que o UTV aguenta as seis horas, já que é o mesmo veículo que eu fui campeão no Sertões.” O primogênito da família Varela, Rodrigo, irá competir com o mesmo modelo de UTV e terá o reforço de Marcos Baumgart, fera da categoria carros do Rally dos Sertões.

Lucas Barroso também está confirmado no grid. “O formato da prova é muito inovador e chegou para ficar. A minha estratégia é poupar um pouco nas horas iniciais para depois poder acelerar o meu Can-Am Maverick Turbo”, finalizou o piloto do Ceará.

Publicado em CAN-AM, Can-Am Maverick Com a tag , , , , , , , , , , , , |

1ª Copa UTV Dopamina promete disputas acirradas

A 1ª Copa UTV Dopamina promete disputas acirradas e grid de alto nível técnico neste fim de semana (22 e 23).
Fonte: Mundo Press

Pedro Queirolo acelerando seu Can-Am Maverick / Crédito: Doni Castilho

O desafio terá seis horas ininterruptas de muita velocidade no circuito off-road do autódromo Valdemar Fragnani, em Cordeirópolis, interior paulista. Em duplas ou trios, os pilotos estarão divididos nas categorias UTV Aspirado, UTV Turbo e UTV Over 50 – sempre de olho no troféu “Fita Azul”, para o veículo mais rápido da prova.

“O formato do evento é sucesso no mundo todo e a pista do autódromo tem nível internacional. A ideia é agregar os pilotos da nossa e das outras categorias para o desenvolvimento dos UTVs, que cada vez ganha mais adeptos”, contou Deninho Casarini, idealizador do evento ao lado do piloto Reinaldo Varela. “A expectativa é de que haja 30 veículos inscritos, com pilotos de várias idades e regiões. Será um fim de semana muito divertido, uma grande festa”, continuou Casarini. Ele fará dupla com Pedro Queirolo a bordo do Can-Am Maverick Turbo.

A 1ª Copa UTV Dopamina é patrocinada por Dopamina Mindful Drink e tem o apoio de Casarini BRP/Can-Am além de organização da Anema.

Programação – 1ª Copa UTV Dopamina
Sábado, 22 de outubro

Das 8h às 8h30 – Vistorias técnicas e de segurança / Categoria Over 50
Das 8h30 às 9h30 – Vistorias técnicas e de segurança / Categoria Aspirado
Das 9h30 às 10h30 – Vistorias técnicas e de segurança / Categoria Turbo
11h – Briefing
Das 12h às 14h – Treinos livres para todas as categorias
Das 14h30 às 15h – Treino classificatório / Categoria Over 50
Das 15h15 às 15h45 – Treino classificatório / Categoria Aspirado
Das 16h às 16h30 – Treino classificatório / Categoria Turbo
17h30 – Encontro de confraternização e jantar

Domingo, 23 de outubro
Das 8h às 9h – Warm up obrigatório para todas as categorias
9h45 – Alinhamento para a largada
10h – Largada
16h – Término da corrida seguido de pódio.

Publicado em CAN-AM, Can-Am Maverick Com a tag , , , , , , , , , , , , , , |

1ª Copa Dopamina desafia UTVs em prova de 6 horas

A 1ª Copa UTV Dopamina desafia competidores e equipamentos para seis horas ininterruptas de disputas no dia 23 de outubro.
Fonte: Mundo Press

Copa UTV Dopamina realiza primeira edição em Cordeirópolis (SP) Crédito: Doni Castilho/DFotos

O evento reúne equipes formadas por duplas ou trios de pilotos no circuito off-road fechado do autódromo Valdemar Fragnani, em Cordeirópolis, interior paulista. Estarão em jogo os títulos de três categorias, UTV Aspirado, UTV Turbo e UTV Over 50, além do troféu “Fita Azul” para o veículo mais rápido da prova.

“A Copa UTV Dopamina surgiu a pedido dos próprios pilotos. Os UTVs são uma verdadeira febre nas competições off-road e este será o primeiro evento do país disputado no formato Endurance”, contou Paulino Alvarez, o Kilha, da Anema, responsável pela organização do evento. “A prova de seis horas exige que as equipes tracem estratégias para a troca dos pilotos e o abastecimento dos veículos. O nosso objetivo é movimentar o segmento dos UTVs e garantir muita diversão na pista”, continuou.

O palco da Copa UTV Dopamina é outro destaque. Localizado a 177 quilômetros da capital paulista, o autódromo Valdemar Fragnani possui pista de dois mil metros inteira de terra. “O local tem grande estrutura, com área de box de primeira linha, estacionamento e lanchonete. O público e os amigos e familiares das equipes são muito bem-vindos ao evento. As expectativas são ótimas”, concluiu Kilha.

A 1ª Copa UTV Dopamina é patrocinada por Dopamina Mindful Drink e tem o apoio de Can-Am.

Programação – 1ª Copa UTV Dopamina
Sábado, 22 de outubro

Das 8h às 8h30 – Vistorias técnicas e de segurança / Categoria Over 50
Das 8h30 às 9h30 – Vistorias técnicas e de segurança / Categoria Aspirado
Das 9h30 às 10h30 – Vistorias técnicas e de segurança / Categoria Turbo
11h – Briefing
Das 12h às 14h – Treinos livres para todas as categorias
Das 14h30 às 15h – Treino classificatório / Categoria Over 50
Das 15h15 às 15h45 – Treino classificatório / Categoria Aspirado
Das 16h às 16h30 – Treino classificatório / Categoria Turbo
17h30 – Encontro de confraternização e jantar

Domingo, 23 de outubro
Das 8h às 9h – Warm up obrigatório para todas as categorias
9h45 – Alinhamento para a largada
10h – Largada
16h – Término da corrida seguido de pódio.

Publicado em CAN-AM, Can-Am Maverick Com a tag , , , , , , , , , , , , , |